Hospital Oceânico realiza Festival Literário em parceria com o Voluntariado do Viva Rio

Dezenas de livros foram distribuídos para os profissionais de saúde do hospital

Funcionária do Hospital Oceânico estreando seu livro – Foto: Pedro Conforte

 

Ficção, biografias, histórias reais, poemas, não importa o gênero do livro, ler é um ato de grande relevância no aprendizado do ser humano. Com esse pensamento, o Hospital Municipal Oceânico de Niterói, em parceria com o Voluntariado do Viva Rio, realizou, esta semana, o Festival Literário do Oceânico.

Por conta da pandemia, e de o hospital ser referência no combate ao coronavírus, o evento foi um pouco diferente: a equipe recebeu doações de dezenas de livros do Grupo Editorial Record e os profissionais podiam escolher os seus preferidos.

“No hospital, o profissional está lidando com a vida e a morte. Por isso, ele acaba ficando vulnerável. A doação de um livro pode parecer um gesto muito simples, mas traz resultados importantes. O livro faz você se distrair, pensar, relaxar e recarregar as baterias”, esclareceu Cibele Dias, coordenadora do Voluntariado do Viva Rio.

De acordo com Renata Bonetti, ouvidora do Hospital Oceânico, o objetivo do Festival Literário é deixar os profissionais mais felizes.

“A leitura contribui para muitas coisas: melhorar os níveis de foco e concentração; aprimorar o pensamento crítico; enriquecer o vocabulário; aprimorar nossa forma de escrever e conversar. O hábito da leitura é fundamental para nosso desenvolvimento pessoal, profissional e espiritual. Ler me distrai e estimula minha criatividade. Durante a leitura, costumo dar vida e voz aos personagens, imagino as cenas com riqueza de detalhes e isso me faz muito bem. Quando gosto de um livro, comento sempre com as pessoas e gosto de ouvir sugestões de outras leituras”, concluiu.

Postado em Notícias.