Gingando pela Paz

Gingando pela Paz

Criado no Brasil em 2003 e levado para o Haiti em 2007, o Gingando pela Paz tem na abordagem pedagógica um dos principais diferenciais. Além das aulas de capoeira, os alunos recebem lições sobre mediação de conflito, informática e língua portuguesa. Alguns são preparados para auxiliar os mestres e instrutores durante as aulas, e muitos têm interesse em se tornar educadores.

O projeto começou no Haiti com 15 alunos, a maioria crianças órfãs entre 7 e 14 anos, moradoras de rua. Após o terremoto de 2010, o número de alunos duplicou e, atualmente, o projeto beneficia 200 crianças e jovens de ambos os sexos.

2_facebook-logo Facebook.com/Gingando Pela Paz